Transição Geracional

Publicado em: 18/05/2016 Categorias: 2016 / Revive Israel

Nesta mensagem, Asher Intrater fala sobre a última profecia da Velha Aliança (Malaquias 4.6) e da necessidade urgente deste momento de ter pais que voltem seus corações aos filhos para que ocorra uma transição geracional. Isso deve ser algo não negociável para nós, pois há a promessa de uma maldição global se essa reconciliação geracional não acontecer. Descubra chaves práticas para fazer parte da construção de pontes sobre essa lacuna geracional.

Para assistir em inglês:

Curando a Família Abraâmica

Ariel Blumenthal

De 26 a 29 de abril, Vered, as crianças e eu participamos do “Global Gatekeepers Gathering” (3G – “Ajuntamento Gatekeepers Global”) na ilha de Ko Samui na Tailândia. Fomos recebidos por um casal cristão tailandês, donos de um lindo resort na melhor ilha de Ko Samui. Cerca de 150 líderes de 25 nações estavam presentes, incluindo 10 do Egito. (Também conhecemos vários turistas israelenses, para os quais as ilhas e praias da Tailândia são um destino favorito.)

Como geralmente acontece nesse movimento Gathering, o Espírito Santo se moveu de forma poderosa no grupo por meio de atos proféticos de identificação, reconciliação, intercessão e unidade — desta vez trazendo cura à família Abraâmica por um ato nosso, como judeus (especialmente Vered “assumindo” o papel de Sara), nos arrependendo e dando as boas-vindas a Agar e a Ismael (os egípcios) para trazê-los de volta à família. Mas, antes de compartilhar esse testemunho, vamos dar uma olhada na teologia desse tipo de “atos proféticos”.

Na verdade, nossa fé messiânica/cristã é baseada num ato profético de identificação – nos identificamos com o ato de o próprio Yeshua ter morrido na cruz por nossos pecados, ressuscitado dentre os mortos e subido ao Pai. Foi profético de três formas:

  1. Estava baseado nas profecias e temas das Escrituras.
  2. Foi conduzido pelo Espírito Santo e, portanto, cumpriu uma conquista histórica, em primeiro lugar, no reino espiritual.
  3. Foi um ato de identificação no sentido de que um homem se posicionou a favor de toda a humanidade.

Se todos esses aspectos não fossem verdadeiros, então a morte de Yeshua na cruz teria sido, bem… apenas isso, uma morte penal numa cruz romana igual a tantos outros criminosos judeus e falsos “messias” (Rm 5.15-19; Hb 10.14).

Mais exemplos bíblicos podem ser encontrados nas orações intercessória e de identificação de Daniel (9.1-19) e Neemias (1.4-11), ambos homens retos que “assumiram responsabilidade” e confessaram os pecados de seu povo, e buscaram a Deus com grande fervor, guiados pelo Espírito Santo. Dessa forma, suas orações e “atos proféticos” ocorreram no tempo certo, chegando no momento em que as promessas de Deus se encaixaram nas circunstâncias adequadas da história e dos relacionamentos humanos. Não é que esses homens foram os primeiros ou únicos judeus do seu tempo a orar assim; mas, assim como Yeshua, as orações deles vieram na “plenitude dos tempos” para um rompimento, tempo especial para o qual o caminho vinha sendo preparado por Deus e pelas orações de muitos outros precursores. (Ef 1.10)

No terceiro dia do nosso encontro, sentimos claramente que Deus havia nos reunido “para um momento como este” (Ester 4.14). Assim como aconteceu com Ester, nesse momento fomos conduzidos pelas mulheres em nosso meio: “as mulheres egípcias se identificaram com Agar e confessaram a rejeição, a inveja e o ressentimento que ela havia sentido quando Abraão a expulsou da família conforme a exigência de Sara. (Esse espírito de rejeição tem afetado os povos árabes por todas as gerações desde então. Aqueles que foram libertos disso geralmente são pessoas magníficas, mas a característica étnica prevalece.) Lágrimas agonizantes foram derramadas pelos egípcios e por todos os demais, enquanto experimentávamos uma medida dessas emoções. Eles confessaram que haviam odiado e zombado de “Isaque” e de sua descendência.

Em seguida, uma mãe israelense (Vered) deu um passo à frente para fazer um apelo: ‘Há dois lugares vagos à nossa mesa. Vocês não querem voltar para casa? Nossa família não está completa. Isaque precisa do seu irmão mais velho, que foi abençoado por Deus primeiro’. Essas palavras não expressam nem o início da profundidade do significado e da emoção do momento. Espero que você possa imaginar um pouco da atmosfera.**

Houve muito choro e regozijo. Então, os egípcios começaram a cantar sobre nós, enquanto nosso filho de 8 meses, Lavi, estava sentado sobre meus ombros rindo e sorrindo (como ele quase sempre faz) – era como se Agar e Ismael estivessem cantando e regozijando sobre Isaque! (Talvez esse deveria ter sido o nome do nosso pequeno menino risonho!)

Talvez, pela primeira vez na história, descendentes de Abraão, Isaque e Jacó se uniram à família de Agar e Ismael, todos nós seguros em nossa herança eterna por causa da nossa fé em nosso grande irmão mais velho, o maior filho de Abraão, Yeshua (Rm 8.29-30). Juntos, como Um Novo Homem, guiados pelo Espírito Sano, cremos que podemos fazer parte da missão de trazer plenitude, reconciliação e unidade (“perfeição”) à família Abraâmica espalhada por todo o Oriente Médio.   

**Citação do artigo completo escrito por Lynn Green sobre o Ajuntamento 3G.

———————————————————————————

Israel Intensivo
Neste último final de semana (13 a 15 de maio) Asher Intrater e Dan Juster ministraram na Conferência Israel Intensive, promovida pelo IHOPKC.

———————————————————————————

Convite para o Shavuot

Estamos com grande expectativa para a próxima grande festa bíblica sagrada – Shavuot (Pentecostes). O derramamento do Espírito Santo em Atos 2 foi a primeira parcela da promessa de Deus de derramar o seu Espírito sobre toda a carne (Atos 2.17). Nós nos reunimos todo ano no Shavuot para adorar e orar durante a noite crendo no cumprimento completo dessa profecia de Shavuot.

Nós o convidamos a se juntar a nós este ano pessoalmente ou através da nossa transmissão ao vivo pela internet. O evento começará no dia 11 de junho, 2016 às 22h (horário de Israel) e continuará por 8 horas.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *