Revelação a Pedro

Publicado em: 08/06/2012 Categorias: 2012 / Revive Israel

Revelação a Pedro
Por Troy B. Wallace

Pedro recebeu três tipos de revelação, de acordo com o que temos registrado na Nova Aliança. Quando ele viu a pesca sobrenatural, a simples bondade do Senhor o fez reconhecer que era um homem pecador. A primeira revelação que recebeu foi da sua necessidade de arrependimento.

“Vendo isto, Simão Pedro prostrou-se aos pés de Jesus, dizendo: Senhor, retira-te de mim, porque sou pecador” (Lc 5.8).
Nós, também, devemos admitir que somos pecadores e precisamos nos arrepender. Esse é um processo contínuo no nosso coração. À medida que cedermos mais à obra do Espírito Santo, encontraremos novas maneiras de nos voltar ao Senhor na nossa mente, vontade e emoções.

Depois, Pedro reconheceu que Yeshua é Messias e Filho de Deus.

“Respondendo Simão Pedro, disse: Tu és o Cristo, o Filho do Deus vivo. Então, Jesus lhe afirmou: Bem-aventurado és… porque não foi carne e sangue que to revelaram, mas meu Pai, que está nos céus” (Mt.16.16,17).
Pedro declarou algo que foi gerado nele por uma revelação do Espírito Santo. Essa revelação incluiu o conhecimento de que Yeshua tanto é humano quanto divino. É importante que meditemos nessa realidade diariamente na nossa vida.

Em terceiro lugar, Pedro recebeu de Deus revelação a respeito do cumprimento de Escrituras proféticas em momentos específicos de sua vida.

“Mas o que ocorre é o que foi dito por intermédio do profeta Joel: E acontecerá nos últimos dias, diz o Senhor, que derramarei do meu Espírito sobre toda a carne; vossos filhos e vossas filhas profetizarão, vossos jovens terão visões, e sonharão vossos velhos…” (At 2.16-17).

À medida que confessarmos o nosso pecado e declararmos que Yeshua é Senhor, começaremos a ver nas Escrituras aplicações pessoais para as decisões na nossa vida. Podemos receber revelação e compreensão de eventos que estão acontecendo ao nosso redor. Nestes dias do fim, é essencial que andemos em revelação profética a respeito de Israel, da Igreja, do derramamento do Espírito Santo e dos tempos em que vivemos.

Bebendo Veneno
Por Don Finto

Yeshua contou uma parábola sobre o perigo de não perdoar:
“E, indignando-se, o seu senhor o entregou aos verdugos, até que lhe pagasse toda a dívida. Assim também meu Pai celeste vos fará, se do íntimo não perdoardes cada um a seu irmão” (Mt 18.34,35).
Recusar-se a perdoar é como beber veneno e esperar que a outra pessoa morra.

Quando não perdoamos àqueles que pecaram contra nós, estamos nos colocando fora da proteção do Senhor de tal forma que o inimigo tenha liberdade de torturar e atormentar-nos.

Contudo, como podemos perdoar quando realmente fomos injustiçados? Como podemos mudar nossas emoções para que sintamos vontade de perdoar?

Nós não andamos por emoções. Andamos por fé. Não esperamos para sentir vontade de perdoar. Liberamos perdão e o declaramos no nome e na autoridade de Jesus, nosso Redentor, aquele que nos perdoou.

Nosso exemplo perfeito é Jesus na cruz. “Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem.” Num certo sentido, aqueles líderes judeus e oficiais romanos sabiam, de fato, o que estavam fazendo. Sabiam que estavam crucificando um homem, um homem que era bom. Num outro sentido, não sabiam o que estavam fazendo. Estavam matando o representante pessoal de Deus que veio trazer redenção para o homem, Deus em forma humana.
“Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celeste vos perdoará; se, porém, não perdoardes aos homens [as suas ofensas], tampouco vosso Pai vos perdoará as vossas ofensas” (Mt 6.14,15).

Para maiores informações sobre Don Finto (em inglês), acesse: www.calebcompany.org

Vitória Contra o Tráfico Humano
Por Mati Shoshani

Rami Saban, talvez o personagem mais significativo na indústria de tráfico humano em Israel, foi condenado, na semana passada, a 18 anos de prisão. Ele era o chefe de uma rede de contrabando que, há anos, seduzia mulheres, a maioria da ex-União Soviética, prometendo-lhes a oportunidade de trabalhar em Israel ganhando um bom salário mensal.

Rami e seus parceiros, alguns dos quais também foram condenados a sentenças severas, forçavam as mulheres a se tornarem prostitutas, obrigando-as, às vezes, a receber até 20 clientes por dia. Pelo menos 300 dessas mulheres foram levadas a Moscou de diferentes lugares na Europa Oriental, depois para o Egito de avião, e de lá introduzidas ilegalmente por Beduínos em Israel, onde seus documentos eram confiscados e passavam a ser tratadas como escravas.

Os tribunais de Israel normalmente não dão sentenças tão longas a pessoas condenadas por tais crimes; por isso, é um sinal positivo de que, a partir de agora, haverá uma política mais severa contra a indústria de tráfico humano em Israel.

Shavuot: Jejum e Oração a Noite Toda
Por Avichai Orel

Como o mundo mudaria se Deus derramasse o seu Espírito sobre toda a carne hoje? Veríamos avivamento por toda parte, multidões de pessoas seriam salvas, curadas e libertadas dos poderes das trevas. Ouviríamos uma grande voz saindo de muitas nações, dizendo: “Bendito é aquele que vem em o nome do Senhor!” E sabe o que mais? A vinda de Yeshua estaria bem mais próxima.

Nós queremos incentivá-lo fortemente a participar conosco de 12 horas de jejum e oração na festa de Shavuot. O evento começará no dia 26 de maio, às 18h00. Durante a noite toda, adoraremos, louvaremos, intercederemos, profetizaremos e clamaremos para que Deus derrame o seu Espírito sobre toda a carne – para que a profecia de Joel se cumpra (Jl 2.28).

Para maiores informações (em inglês), acesse: www.mishkanelohai.org/shavuot

Israel e a Igreja na Conferência sobre o Fim dos Tempos

Por favor, ore por essa conferência significativa organizada pela IHOP (Casa Internacional de Oração) em Kansas City, EUA, neste final de semana. Mike Bickle, Wes Hall, Allen Hood e Asher Intrater serão os principais preletores.

Cremos que este pode ser um importante divisor de águas, ajudando a arregimentar oração mundial de acordo com a compreensão do plano de Deus para Israel, a Igreja e o Fim dos Tempos.
Para acompanhar a conferência ao vivo por webstream (em inglês), acesse www.IHOP.org.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *