Pais, tomem posse das promessas de Deus

Publicado em: 07/09/2014 Categorias: Arauto / Oração que alcança Deus

Arauto - Ano 32 - nº 03 - Mai/Ago 2014

Uma mãe cristã anônima

Sinto um encargo no coração, creio que inspirado por Deus, para insistir com cada leitor para que se dedique em oração fervorosa pelos seus filhos até a terceira e quarta geração, no sentido de que nasçam de novo e sejam cheios do Espírito Santo, usados por Deus e preparados para a volta de Jesus, de tal maneira que não se envergonhem quando ele aparecer.

Muitos citam a primeira metade da resposta de Paulo ao carcereiro de Filipos (At 16.31): “Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo”. Mas poucos citam o restante da frase: “tu e tua casa”. A “casa” pode incluir muito mais do que imaginamos.

As palavras de Deus para Moisés (Êx 34.7) também são muito citadas: “… e visita a iniquidade dos pais nos filhos… até à terceira e quarta geração”. Mas poucos chegam a falar das misericórdias que Deus prometeu no mesmo texto: “… que guarda a misericórdia em mil gerações”. Observe que as misericórdias são mencionadas em primeiro lugar.

Nestes tempos de desassossego e de terríveis tentações para os nossos jovens, cabe a nós, como pais cristãos, despertar da nossa letargia e bater com persistência na porta do céu até que ela se abra e recebamos a resposta – especialmente agora quando o tempo da vinda do Senhor pode estar bem próximo.

Nós temos a bênção da aliança para a nossa descendência. Deus não pode quebrar a sua Palavra.

Na Epístola aos Gálatas, aprendemos que aqueles que nascem de novo são filhos de Abraão, o pai de todos os que creem. “Sabei, pois, que os da fé é que são filhos de Abraão” (Gl 3.7). Por isso, podemos pleitear a nossa parte na aliança feita com ele (Gn 17.7).

Jeová prometeu a Abraão que seria o Deus de seus descendentes; portanto, os filhos de pais crentes são santos, separados para ele. Isso se aplica mesmo que só um dos pais seja crente (veja 1 Co 7.14).

Deus também nos assegura de que derramará do seu Espírito sobre a nossa descendência. Oh, que nós pais sejamos purificados de qualquer “perverso coração de incredulidade” (Hb 3.12)! Pois assim estaremos livres para pedir com fé e receber, a fim de que a nossa alegria seja completa. Abramos bem as nossas bocas e deixemos Deus enchê-las conforme prometeu.

Estamos vivendo num mundo caótico. Como pais, precisamos receber, nós mesmos, a plenitude do Espírito Santo para que ele ore através de nós. O Pai nos ouvirá, pois Jesus vive sempre para interceder por nós (Hb 7.25).

Algumas das Preciosas Promessas de Deus 

“Porque derramarei água sobre o sedento, e torrentes, sobre a terra seca; derramarei o meu Espírito sobre a tua posteridade e a minha bênção sobre os teus descendentes” (Is 44.3).

“Todos os teus filhos serão ensinados pelo Senhor” (Is 54.13).

“A sua descendência será uma bênção” (Sl 37.26).

“Os filhos dos teus servos habitarão seguros, e diante de ti se estabelecerá a sua descendência” (Sl 102.28).

“Mas a misericórdia do Senhor é de eternidade a eternidade sobre os que o temem, e a sua justiça, sobre os filhos dos filhos” (Sl 103.17).

“A sua descendência será poderosa na terra; será abençoada a geração dos justos” (Sl 112.2).

“A geração dos justos é livre” (Pv 11.21).

“No temor do Senhor, tem o homem forte amparo, e isso é refúgio para os seus filhos” (Pv 14.26).

“Pois para vós outros é a promessa, para vossos filhos e para todos os que ainda estão longe, isto é, para quantos o Senhor, nosso Deus, chamar” (At 2.39).

“Crê no Senhor Jesus e serás salvo, tu e a tua casa” (At 16.31).

“Estabelecerei a minha aliança entre mim e ti e a tua descendência no decurso das suas gerações, aliança perpétua, para ser o teu Deus e da tua descendência” (Gn 17.7).

“Eu contenderei com os que contendem contigo e salvarei os teus filhos” (Is 49.25).

“Portanto, ainda pleitearei convosco, diz o Senhor, e até com os filhos de vossos filhos pleitearei” (Jr 2.9).

“Dar-lhes-ei um só coração e um só caminho, para que me temam todos os dias, para seu bem e bem de seus filhos” (Jr 32.39).

Nós temos a promessa de que Deus derramará do seu Espírito sobre a nossa semente e as suas bênçãos sobre os nossos descendentes. Nossos filhos serão ensinados por Deus e terão grande paz. A nossa semente será abençoada. A sua justiça estará sobre os filhos dos nossos filhos.

Tomemos posse dessas promessas a fim de que nossos filhos sejam preparados para a vinda do Senhor.

11 respostas para “Pais, tomem posse das promessas de Deus”

  1. Marilia disse:

    Que Palavra maravilhosa! Obrigada por nos lembrar de todas essas promessas! Hoje compartilharei com minhas irmãs de oração!
    Que o Senhor continue te abençoando e usando pra falar aos nossos corações !

  2. Maria de Fatima Oliveira de Medeiros disse:

    Estava buscando uma promessa para meu filho e achei esta postagem…parabéns.

  3. Mirian Valéria de souza disse:

    Essas palavras entraram em meu coração..em um momento de angústia…tenho fé que minha descendência é abençoada e Será para sempre.. eu tomo posse.

  4. Marcia disse:

    Estava precisando de uma palavra dessa! Obrigado.

  5. Patricia disse:

    Uma bênção essa palavra. Como é bom lembrar das promessas do Senhor Jesus sobre nossas vidas. Aleluia!!

  6. Wilma disse:

    Palavra abençoada, obrigada por compartilhar❤

  7. Walmyr Martins Da Conceição disse:

    Li essas palavras hoje, que Deus continue usando poderosamente a irmã, para trazer verdades bíblicas em momentos que precisamos ouvir da parte de Deus, o quanto ele é fiel.

  8. Odete Silva disse:

    Lindas promessas do nosso Deus, tomo Posse.

  9. Valter Nogueira de Moura disse:

    Estou dando graças a Deus por esta ajuda a nós pais, diante de tantas lutas que enfrentamos com nossos filhos, num mundo tão mal e que jaz no maligno. Obrigado Senhor por teres usado está irmã e na SUA grande bondade continue guardando e usando a ela para SUA glória, SEU louvor e alegria dela, nossa e de muitos.

  10. Gloria disse:

    Hoje, me levantei para falar com o SENHOR nosso Deus, acerca de Suas promessas para meus filhos e, qual não foi minha surpresa ao me deparar com estudo tão rico e abençoado.
    Deus abençoe ricamente quem o escreveu.

  11. Louvo a Deus por suas promessas, obrigada por compartilhar os versículos, por isso Deus pede para meditar dia e noite, pois nós esquecemos tão rápido.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *