Hoshana Rabba

Publicado em: 16/10/2020 Categorias: 2020 / Revive Israel

Dan Juster

O sétimo dia de Sucot é chamado no judaísmo de Hoshana Rabba. Estou enviando isto para você, uma vez que este dia começou na quinta-feira à noite (8 de outubro). Já enviei uma postagem sobre o significado em geral do Sucot. Agora quero me concentrar neste Sétimo dia. Lembremos que a celebração do 8º dia que se segue (no dia 9 de outubro) é da nova criação. Esse também é um dia importante, como final da semana de Sucot.

Esta celebração está ligada às orações por chuva e boas colheitas para o próximo ano. Mesmo tendo acabado de comemorar a colheita do fim do ano, já estamos com expectativa para a nova colheita que virá em Shavuot ou Pentecostes. A chave para essa colheita é a chuva e, portanto, a oração pela chuva com a esperança de que as primeiras chuvas comecem logo após a Festa e continuem até a próxima primavera (em abril e maio do ano que vem no hemisfério norte), quando virão as últimas chuvas (chuvas serôdias). Estamos muito mais conscientes disso vivendo em Israel. Foi neste mesmo dia da Festa que Yeshua se levantou e disse:

“Se alguém tem sede, venha a mim e beba. Quem crer em mim, como diz a Escritura, do seu interior fluirão rios de água viva. Isto ele disse com respeito ao Espírito [Ruach] que haviam de receber os que nele cressem; pois o Espírito [Ruach] até aquele momento não fora dado, porque Jesus não havia sido ainda glorificado.” (João 7.37-39)

Assim como a chuva produz frutos e tanto satisfaz nossa sede quanto traz crescimento, da mesma maneira o Espírito satisfaz nosso anseio espiritual e traz crescimento, pois pelo Espírito é que podemos ver a colheita de pessoas no Reino. Mais uma vez, é apropriado lembrar os temas de colheita desta estação.

Os estudiosos nos dizem que Jesus pode ter dito essas palavras no contexto das cerimônias de derramamento de água daquela festa. O sacerdote tirava água do tanque de Siloé e depois a derramava no Templo como uma oferta, o que significava tanto dar a nossa vida quanto pedir chuva também.

Um grande milagre também foi ligado a essa festa; a cura do cego em João 9. Novamente temos um tema Sucot, ou seja, que Yeshua é a luz do mundo. Esta declaração de Yeshua, em João 8.12, promete que aqueles que o seguem terão a luz da vida. Assim, o cego é curado como uma ilustração física de como podemos ser curados de nossa cegueira espiritual. Suas palavras: “Eu era cego e agora vejo” (João 9.25) foram ditas no contexto da glória das lâmpadas que eram acesas no pátio das mulheres e que produziam uma grande glória sobre o Templo e a Cidade.

Ao celebrarmos o Hoshana Rabba, vamos nos lembrar desses temas maravilhosos e orar pela renovação do poder do Espírito em nós, para que possamos ter satisfação interior, andar em sua luz e fazer parte da grande colheita. É realmente apropriado orar por avivamento.

Transmissão Global em Israel

Estamos oferecendo uma edição especial e limitada da Transmissão Global esta semana de nossas casas!
Assista aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *