Dispersando as Ovelhas?

Publicado em: 20/06/2017 Categorias: 2017 / Revive Israel

Asher Intrater

Uma das maravilhosas graças que recebemos através de Yeshua, juntamente com o perdão dos pecados, vida eterna e a presença Shekhina do Espírito Santo, é o poder e a autoridade para curar os enfermos e expulsar demônios. Embora a expulsão de demônios seja retratada no mundo do entretenimento como um tipo de ritual estranho, insidioso e sombrio, é na verdade um acontecimento comum na vida dos verdadeiros seguidores de Yeshua, desde que seja acompanhada por verdadeiro arrependimento e o compromisso de levar, a partir da libertação, uma vida pura e honrosa.

Embora seja empolgante pensar sobre a capacidade de expulsar demônios, existe também uma batalha espiritual contra as obras do mal em um nível mais amplo e corporativo. Demônios individuais causam pecado e enfermidade, porém poderes maiores das trevas possuem a incumbência de destruir a comunidade da fé como um todo. Esse ataque corporativo sobre a Eclesia vem em três níveis:

  1. Acusando os irmãos
  2. Dividindo a igreja
  3. Dispersando as ovelhas

Ironicamente, aqueles que são mais entusiasmados sobre cura e expulsão de demônios são às vezes usados pelo maligno para causar estragos muito maiores à comunidade da fé como um todo.

Israel e a Igreja são descritos como uma noiva glorificada que está sob o ataque da serpente maligna Satanás (Apocalipse 12). A parte central desse ataque é descrita como:

“acusador de nossos irmãos…” – Apocalipse 12.10

Os “irmãos” aqui evidentemente são seguidores de Yeshua. A acusação geralmente vem na forma de fofoca e reclamação sob aparência de “correção” sincera. E enquanto os “irmãos” podem ser qualquer um, o ataque demoníaco geralmente é dirigido contra os líderes. Quando nos vemos acusando e reclamando de pastores e outros líderes, existe uma possibilidade de que realmente nos tornamos um acusador dos irmãos, com capacitação demoníaca, sem nos darmos conta.

O segundo ataque é ainda pior: não apenas acusar líderes, mas causar uma divisão no Corpo. Ao falar sobre batalha espiritual, Yeshua disse:

“Todo reino dividido contra si mesmo ficará deserto…” – Lucas 11.17

Às vezes, as pessoas ficam tão seguras de que estão certas, que elas querem causar divisão no Corpo. O dano causado por “dividir a igreja” é frequentemente muito pior do que o contexto aparentemente correto que é usado para justificar a divisão. (Certamente existe uma disciplina moral essencial e uma prestação de contas que deve ser dada por congregações e líderes. No caso de pecado, uma divisão pode ser justificada. No entanto, isso não é o mesmo que causar uma divisão por causa de diferenças de opinião.)

O pior nível é chamado por Yeshua de obra do ladrão, do destruidor ou do lobo. Yeshua é chamado de Bom Pastor, enquanto o inimigo vem para…

“arrebatar e dispersar…” – João 10.12

… as ovelhas.

Existe um engano significativo, disseminado por alguns dos crentes mais zelosos, de que não existe razão para se pertencer a uma igreja ou congregação. Todos os tipos de justificativas espirituais são dadas para essa campanha de mentiras, mas em última análise deixa crentes fracos expostos e desprotegidos diante dos “portões do inferno” (Mateus 16.18), e dispersa as ovelhas para longe do aprisco e dos pastores.

Assim como devemos ser zelosos para curar os enfermos e expulsar demônios, sejamos também zelosos para nos opor aos ataques demoníacos contra a comunidade da fé como um todo.

Filho do Mandamento: Um Testemunho

Moti Cohen

Há algumas semanas, nós compartilhamos sobre o significado de Bar Mitzvah e prometemos compartilhar com vocês um testemunho de como um Bar Mitzvah mudou a vida de um israelense em particular.

Um dos meios mais eficazes de se compartilhar o evangelho é realizando eventos na congregação que sejam abertos a todos. Em Israel, na congregação Tiferet Yeshua, muitos de nós somos os únicos crentes em nossas famílias. Alguns podem ter um ou dois parentes crentes, no máximo. É por isso que, enquanto planejávamos nossa última celebração de Bar Mitzvah, oramos para que Deus abrisse uma porta aos corações de todos os familiares que viessem ao evento. Como em muitos casos, isso nos dá uma oportunidade rara de proclamar o evangelho a pessoas que já o ouviram antes, mas que ainda não quiseram vir a uma congregação. Então, durante a semana do Bar Mitzvah, nós também separamos tempo para orar por essas famílias.

Pelo menos dez não-crentes, juntamente com suas famílias que vieram celebrar o Bar Mitzvah, compareceram ao evento. Depois de os dois garotos que celebravam seu Bar Mitzvah lerem um trecho da Torá, e depois que o sermão havia terminado, os pais de “D”, um dos dois garotos, vieram a mim. Aparentemente Deus ouviu nossas orações, e o pai de “D”, que havia visto o amor que a congregação tem por sua família, disse que quer aprender sobre o significado de ser batizado em nome de Yeshua e que quer tomar essa atitude de fé e ser batizado. Sua esposa havia orado por ele por 15 anos e finalmente Deus respondeu; seu marido realmente entregou sua vida ao Senhor!

Confins da Terra

Neste vídeo Youval compartilha sobre alguns visitantes especiais que tivemos o privilégio de receber recentemente.

Shekel e Shemesh

Neste breve ensino, Asher fala sobre um princípio muito necessário que deve orientar nossas vidas com respeito a como percebemos as pessoas com quem interagimos todo dia.

Pedido Especial de Oração

David, o mais novo membro da nossa equipe de Israel, foi hospitalizado recentemente após ser atingido por um ônibus enquanto pedalava sua bicicleta do trabalho para casa. Sua vida foi milagrosamente salva graças ao seu capacete e à intervenção angelical, e diariamente estamos descobrindo mais milagres surpreendentes à medida que os médicos verificam sua saúde. Ele foi submetido a uma série de cirurgias e, após um longo processo, espera-se que se recupere plenamente\. Por favor, declare, pela fé, cura sobre ele, conforto e paz!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.