Consagração total para Deus

Publicado em: 28/04/2019 Categorias: Arauto / O fruto do Espírito é o amor

Arauto - Ano 36 - nº 03 - Jul/Dez 2018

por K.A. Smith

Sem sombra de dúvida, estamos vivendo nos últimos dias. É um tempo logo antes do retorno de Cristo à Terra, e muitas pessoas perderam a percepção do pecado. Estão sendo enganados pelo Maligno. Chamam ao bem de mal; e ao mal de bem.

Contudo, não podemos aceitar o risco de participar de qualquer coisa duvidosa. Se quisermos a presença e o poder de Deus em nossa vida, se desejarmos avivamento e o mover do Espírito Santo, teremos de fugir de toda aparência do mal e viver em íntima comunhão com o Senhor. Se quisermos estar prontos quando Cristo retornar, teremos de manter nossa vida santa, pura e sem manchas.

Sonde sua vida agora e consagre-a novamente ao Senhor. Há algo que tem praticado em sua vida que é questionável? Setem, deve ser o próprio Espírito Santo de Deus que colocou esse ponto de interrogação em sua mente. O Espírito do Senhor vem lutando no seu coração, tentando convencê-lo da justiça. Eu quero encorajá-lo a consagrar-se inteiramente a Deus.

Não tente viver o mais próximo que puder ao mundo. Tente viver o mais distante que puder do mundo, e o mais próximo que puder do Senhor. Deus deseja fazer grandes coisas em nossa vida, mas ele quer trabalhar com quem se tornou puro e imaculado. Ele voltará para uma Igreja sem manchas. Espero que você sonde seu coração neste momento e peça ao Espírito Santo para guiá-lo. Se ele apontar qualquer coisa impura em sua vida, vocês e compromete a abandoná-la– a fim de viver uma vida totalmente consagrada e cheia do Espírito?

Diretrizes

Permita-me dar-lhe oito diretrizes para viver corretamente. Estas regras bíblicas cobrirão todo e qualquer assunto duvidoso que possa estar perturbando sua consciência no presente momento. Se você, deliberadamente, aplicar essas normas das Escrituras ao assunto problemático em sua mente, elas o ajudarão a formar sua própria convicção do que é certo e o que é errado.

  1. Evite a aparência do mal

“Abstende-vos de toda forma de mal”(1Ts 5.22). A prática em questão tem uma aparência do mal?Tem uma semelhança com impiedade? Atrai o mundo, aqueles que não amam a Deus? Se possui qualquer aspecto do mal, evite-o, fuja disso. Ficar distante de tais coisas é o que a Bíblia ordena.

  1. Faça tudo para a glória de Deus

“Portanto, quer comais, quer bebais ou façais outra coisa qualquer, fazei tudo para a glória de Deus” (1 Co 10.31). Antes que você comece a se engajar em alguma atividade questionável, pergunte a si mesmo: Você honestamente sente que isso possa ser feito para a glória de Deus? Você pode pedir a bênção de Deus sobre isso? Cristo pode ser honrado e exaltado por meio de sua participação nisso?

  1. Não ame o mundo

“Não ameis o mundo nem as coisas que há no mundo. Se alguém amar o mundo, o amor do Pai não está nele” (1 Jo 2.15). Questione a si mesmo: Isto é do mundo? O mundo o patrocina e controla? Tem um sabor mundano e ímpio? Jesus disse que deveríamos estar no mundo, mas não ser do mundo. Não podemos amar as coisas impuras e também a Deus.

  1. Faça o que Cristo faria

“Cristo sofreu em vosso lugar, deixando-vos exemplo para seguirdes os seus passos” (1 Pe 2.21). Cristo é o nosso grande exemplo. Nós carregamos o seu nome – cristão – porque devemos ser parecidos com ele. Devemos nos questionar acerca de atividades duvidosas: Jesus as faria? Ele lhe daria aprovação com sua presença e participação? O que faria Jesus se ele estivesse em meu lugar? Ele é um exemplo santo, e a Bíblia nos adverte a seguir seus passos.

  1. Evite causar vergonha

“Permanecei nele, para que, quando ele se manifestar, tenhamos confiança e dele não nos afastemos envergonhados na sua vinda” (1 Jo 2.28). Você gostaria de ser flagrado envolvido nesta atividade duvidosa quando Jesus voltar à Terra para se encontrar com os seus? Não faça nada,não diga nada, nem vá a lugar algum que o envergonharia na vinda do Senhor.

  1. Não entristeça o Espírito Santo

“Não sabeis que o vosso corpo é santuário do Espírito Santo?” (1 Co 6.19). Nós somos templo do Espírito Santo. Deus deseja habitar em nós. Se fizermos aquilo que contamina o templo, entristeceremos o Espírito Santo de Deus e ele não habitará em nós, nem operará em e por meio de nós. Não podemos ser cheios do Espírito e de coisas impuras ao mesmo tempo. Devemos nos questionar: minha participação nesta atividade intensificará a presença do Senhor na minha vida? Entristecerá o Espírito Santo? Como afetará minha vida e relacionamento com o Senhor? Que efeito terá em mim para o bem ou para o mal?

  1. Procure agradar a Deus

“E aquilo que pedimos dele recebemos, porque guardamos os seus mandamentos e fazemos diante dele o que lhe é agradável” (1 Jo 3.22).

Aqui está uma boa norma a ser seguida: Esta atividade agrada ao Senhor? Depois de realizá-la, ele pode dizer: “Muito bem, servo bom e fiel”? Nós amamos o Senhor e desejamos agradá-lo em tudo o que fazemos e falamos. Não nos abstemos das coisas duvidosas apenas porque é nosso dever ou porque nossa denominação não acredita nisto. Evitamos os prazeres e os entretenimentos carnais ou questionáveis porque amamos o Senhor e desejamos agradá-lo em todo tempo e em todas as coisas.

  1. Seja um exemplo para outros

“Tomai o propósito de não pordes tropeço ou escândalo ao vosso irmão” (Rm 14.13).  Não devemos ser cuidadosos apenas pelo nosso próprio bem, mas também pelo bem dos outros – para dar exemplo. Que efeito a minha conduta terá nos outros? Que influência eu terei sobre outros, sobre meus amigos? Se eu participar desta atividade, desejo que meus filhos sigam o meu exemplo? Desejo que os mais jovens sigam os meus passos nesta atividade? Que tipo de testemunho isso será para os meus amigos não convertidos?

Estas são perguntas que devemos fazer antes de decidir sobre o que é certo e errado em assuntos duvidosos.

Uma resposta para “Consagração total para Deus”

  1. Josué Soares disse:

    Graças a Deus, temos na Sua palavra tudo o que é necessário para vivermos uma vida que o glorifique.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *