Citações de George Müller

Publicado em: 29/01/2012 Categorias: Arauto / Unção Divina Para Ministrar a Palavra

Arauto - Ano 26 - nº 05 - Set/Out 2008

O começo da ansiedade é o fim da fé, e o começo da verdadeira fé é o fim de toda ansiedade.

A fé desenvolve-se – ou cresce – através de apegar-se à Palavra de Deus, esperando o seu cumprimento nos momentos de necessidade, aguardando resposta às orações – e isso apesar de toda circunstância contrária.

Desejo chamar a atenção de toda a Igreja para o fato de que Deus é hoje exatamente o que era nos dias dos profetas e apóstolos, sempre capaz de responder às orações de seus filhos e pronto a fazê-lo, se pedirem o que está de acordo com a mente dele (1 Jo 5.14); se pedirem com base nos méritos e na pessoa do Senhor Jesus, ou seja, no seu nome (Jo 14.14); se crerem que Deus é capaz de responder suas orações e pronto a fazê-lo (Mc 11.24); se não estiverem vivendo em pecado (Sl 66.18); e se perseverarem na oração com fé até que venha a resposta, pois Deus não determinou um prazo para responder às orações (Hb 10.35,36).

Durante nossa jornada na Terra, somos felizes se Jesus estiver junto conosco e se não estivermos ansiosos para livrar-nos desta vida, mas prontos tanto a servi-lo por mais tempo quanto a sermos levados daqui. No fim, mais cedo ou mais tarde, a morte virá, se a volta de Jesus não acontecer antes. Mesmo na morte, porém, o Senhor Jesus estará conosco. Ele esteve ao nosso lado na saúde e na força; estará também na fraqueza e debilidade, mesmo que as faculdades mentais nos deixarem. Ele não nos deixará. Não nos abandonará (Hb 13.5). Ele nos acompanha no vale da sombra da morte. “A tua vara e o teu cajado me consolam” (Sl 23.4). Oh, como é abençoada essa posição!

Sempre tive grande interesse na obra missionária. Como não pude ir, eu mesmo, às nações do mundo, tenho procurado apoiar ao máximo as obras missionárias. Fui ainda mais estimulado a isso ao receber a verdade da volta do Senhor Jesus. No momento em que vi essa verdade claramente revelada nas Sagradas Escrituras, ocorreu-me o pensamento: o que posso fazer para tornar Jesus mais conhecido antes da sua volta, tendo em vista que ele pode voltar muito em breve?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *