Testemunho de Impacto-Espaço Para Deus: Um Altar no Lar

Data de publicação: 29/04/2011
Categorias da Biblioteca:
Edição 61 e Revista Impacto - 1998 a 2014.
Este artigo pertence a: Edição 61

Por A. Tadeu Lança

Tudo começou em uma reunião de grupo caseiro em 1988 no momento em que o irmão Harold Walker estava ministrando uma palavra sobre o livreto Espaço para Deus. Naquele dia, o Senhor falou, em meu coração, que queria ouvir minha voz todos os dias. A partir daí, essa prática vem se mantendo sem nunca falhar. Já faz 21 anos que a praticamos individualmente e em família.

A responsabilidade de sacerdote do lar levou-me a passar essa bênção do Espaço para Deus para minha esposa e filhas. Nós entendemos que, sem a prática da solidão, à qual o autor se refere, é impossível viver a vida espiritual. Também entendemos que a disciplina de comunidade ajuda a manter a disciplina da solidão. Precisamos estar intimamente ligados uns aos outros para nos fortalecer. Deus revelou-nos que nosso casamento, nossa unidade em família, nossa vida espiritual, os frutos que estamos colhendo de ver nossas filhas comprometidas com o Senhor Jesus, tudo isso é resultado do Espaço para Deus em nosso lar.

Há alguns dias, estávamos preparando-nos para ministrar para os casais em nossa comunidade, e o Senhor falou, ao coração de minha esposa, sobre mencionarmos o livro Espaço para Deus. Recentemente, ela havia trazido para casa um exemplar da nova edição do livro. Então, no domingo de manhã, quando eu estava buscando a presença de Deus, o Espírito Santo tocou-me para que eu procurasse a edição antiga do livro que lera 21 anos atrás.

Pensei: “Onde vou achá-lo agora? Faz tanto tempo, nem sei onde procurá-lo”. Resolvi ir até a minha estante, comecei a procurar, e, de repente, o livreto caiu. Voltei ao sofá, sentei-me e coloquei os livros juntos, lado a lado: o antigo, com uma capa simples em preto e branco (o branco já estava amarelo), e o atual, com uma capa em azul firme e uma paisagem com uma árvore frondosa e um pasto verde, mostrando uma linda sombra.

O que o Espírito Santo estava querendo me mostrar com isso tudo? Em primeiro lugar, ele me lembrou que, há 21 anos, naquele grupo caseiro em comunhão com meus irmãos, ele falara fortemente em meu coração: “Meu filho Tadeu, quero ouvir sua voz todos os dias”. Assim, tenho esse tempo com Deus todos os dias.

Enquanto me lembrava desse ocorrido de 21 anos atrás, ele também me mostrava a diferença da capa de um livro para o outro, relacionando isso a aspectos de minha própria vida depois que comecei a levar a sério o tempo com Deus. Mostrou-me como será também a vida de cada um quando de fato levar a sério esse tempo com Deus. Teremos vida em abundância para dar às pessoas (Jesus manifestando-se através de nós) e seremos como árvores frutíferas dando o fruto no tempo certo, alimentando muita gente. Seremos como sombra debaixo da qual muitos virão se abrigar, encontrando descanso e refrigério.

O Senhor falou que está chegando o dia em que o mundo nos verá da maneira como ele realmente planejou que fôssemos. É tempo de transformação; assim como ele transformou a água em vinho, da mesma forma serão transformadas nossa vida, nossa família e a Igreja.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *