Editorial 5

Data de publicação: 11/12/2011
Categorias da Biblioteca:
Edição 05 e Revista Impacto - 1998 a 2014.
Este artigo pertence a: Edição 05

Por: Conselho Editorial

Vivemos num ano estratégico, véspera da virada do milênio. Como cristãos, precisamos ficar atentos ao significado da época em que vivemos, pois o nosso Deus é o Deus da história, que trabalha no tempo e no espaço. O plano de Deus descrito na Bíblia ainda não terminou. Pelo contrário, seus eventos mais importantes ainda não aconteceram!

Infelizmente, a maioria dos filhos de Deus hoje não sabe disso ou, pelo menos, não age como se soubesse. A idéia comum é que o único motivo porque o mundo ainda não acabou é para mais pessoas serem salvas. Geralmente, a maior ambição espiritual é “ficar firme até o fim”. A impressão que se tem é de uma festa que terminou e só falta fazer a limpeza geral. E como se tudo que realmente fosse importante já aconteceu na Bíblia e agora estamos apenas esperando Jesus voltar para nos tirar do sufoco!

Esperamos que esta edição da Revista Impacto ajude a desmontar essa falsa concepção sobre o tempo do fim. De fato, a primeira vinda de Jesus foi o maior evento da história até hoje e a prova disso é o nosso sistema de datas. Entretanto, sem a segunda vinda, a primeira perde sua importância. Toda palavra proferida por Deus desde o início vai encontrar sua consumação nos últimos dias — quem sabe nos nossos dias! (At 3.19-21)

Faz muito tempo que temos algumas convicções sobre o reinado de Jesus sobre a terra durante o milênio e ficamos impressionados ao vê-las confirmadas no artigo escrito pelo judeu messiânico, Reuven Doron, contido nesta edição do Impacto. Pedimos ao leitor muita paciência e atenção ao meditar sobre o assunto: paciência com aqueles aspectos que divergem do seu parecer, e atenção para conferir tudo com a Palavra escrita, para ver se o exposto está de acordo com ela ou não.

Cremos que não é necessário que todos os filhos de Deus concordem sobre os detalhes do plano de Deus para os últimos dias,pelo contrário, precisamos todos chegar com humildade e aplicação diante de Deus e de sua Palavra, num diálogo franco uns com os outros, para nos preparar da melhor maneira possível para os acontecimentos importantes de nossa geração.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *