Crises no livro do Apocalipse

Publicado em: 21/08/2021 Categorias: 2021 / Revive Israel

Asher Intrater

Nas últimas semanas, relatamos várias situações urgentes. Os incêndios reacendendo nas colinas ao redor de Jerusalém continuam exigindo a atenção dos bombeiros. O aumento nos casos de COVID-19 continua a pressionar os cidadãos israelenses.

No cenário mundial, a tomada do governo do Afeganistão pelo Talibã criou uma crise que encoraja extremistas terroristas no Oriente Médio. O caos e o medo estão rodeando toda a região. Os crentes estão em perigo real de perseguição e precisam de muita oração.

Apocalipse 8.7 – E o primeiro anjo tocou a trombeta, e houve saraiva e fogo misturado com sangue, e foram lançados na terra, que foi queimada na sua terça parte; queimou-se a terça parte das árvores …

Obviamente, não chegamos ao nível de desastres observado mesmo na primeira trombeta. No entanto, estamos seguindo nessa direção. Os desastres mundiais se tornarão cada vez mais intensos. Um dia haverá uma guerra que irá matar um terço da população mundial.

Apocalipse 9.15-16 – … foram liberados a fim de matarem a terça parte dos homens. E o número dos exércitos dos cavaleiros era de duzentos milhões; e ouvi o número deles.

Um terço da humanidade seria aproximadamente dois bilhões de pessoas. Um exército de duzentos milhões atacará. Um exército dessa dimensão e um número de mortos nessa quantidade poderiam potencialmente ser cumpridos por uma guerra da Jihad Islâmica contra a Índia-China-Sudeste Asiático (curiosamente, a passagem fala da origem do exército na área do Eufrates – versículo 14.)

Apocalipse 3.10 – … também eu te guardarei da hora da tentação que há de vir sobre todo o mundo, para tentar os que habitam na terra.

Este versículo não significa que Deus nos removerá do planeta, mas que Ele nos protegerá durante as provações e tribulações. Há um tempo específico de um desastre mundial chegando. A palavra “hora” não significa 60 minutos; isso significa que o tempo será relativamente curto, e será controlado e limitado. O desastre mundial está chegando; será por um tempo limitado; Deus nos protegerá.

Deus não chama crises de “desastres”, mas de “testes”. Apesar das dificuldades e sofrimentos, haverá um propósito oculto de Deus. Há um propósito para “descrentes” e outro para “crentes”. Ainda que a maioria dos incrédulos não irá responder corretamente, o propósito de Deus é convencê-los a se arrependerem de sua maldade.

Apocalipse 9.20 – … E os outros homens … não se arrependeram …

Apocalipse 9.21 – … não se arrependeram…

Apocalipse 16.9 – … não se arrependeram…

O propósito de Deus para os crentes fiéis é forjá-los e os refinar para seu destino especial.

Apocalipse 5.9-10 – Digno és de tomar o livro e de abrir os seus selos, porque foste morto e com o teu sangue compraste para Deus homens de toda tribo, e língua, e povo, e nação; e para o nosso Deus os fizeste reis e sacerdotes; e eles reinarão sobre a terra.

O pergaminho de Deus contém seu plano. Os selos significam que este plano está oculto para a maioria das pessoas. Yeshua, que abre os selos, faz o plano de Deus acontecer. Ele revela esse plano para aqueles que o servem. Este versículo explica vários elementos-chave:

– Deus tem um plano. As coisas não estão “saindo do controle”. O plano de Deus não é uma reação espontânea às circunstâncias, mas preparada com antecedência. O plano é tão concreto que está escrito.

– Yeshua é o vencedor. Ele abre os selos. Ele vence o pecado e Satanás; a morte e o inferno. Ele é o líder do reino. Ele é o Leão da tribo de Judá (versículo 5).

– Nós temos um destino. Deus está usando as dificuldades do final dos tempos para purificar e fortalecer o coração dos justos para serem um povo especial, como sacerdotes e reis (líderes espirituais e governamentais).

– Nós reinaremos com Ele. Nosso destino é governar no mundo para unir todos a Yeshua. Está difícil agora, mas vai valer a pena no final.

– Nosso destino como um povo especial escolhido para governar no mundo para  unir todos a Yeshua é repetido:

Apocalipse 20.4 – … e viveram e reinaram com Cristo durante mil anos.

Nós enfrentamos momentos de crescente tribulação nos tempos do fim. Essas tribulações são um julgamento contra o mundo; uma purificação da Igreja; uma preparação de um povo especial para Deus; e um aviso para que os povos de todas as nações se arrependam. As tribulações dos tempos do fim culminam em uma enorme guerra mundial na qual todas as nações atacam Israel (Zacarias 14). Nesse momento, Yeshua retornará como o cabeça da Igreja, o rei de Israel e o comandante do exército do Céu.

Nesse momento, os mortos ressuscitarão; o diabo será encarcerado; e o reino de Deus será estabelecido na Terra por mil anos, com sua capital em Jerusalém. Depois disso, virá um mundo ainda melhor, a Nova Criação e a Nova Jerusalém.

Apocalipse 21.3-4 – Eis aqui o tabernáculo de Deus com os homens, pois com eles habitará… E Deus limpará de seus olhos toda lágrima, e não haverá mais morte, nem pranto, nem clamor…

Haverá um mundo perfeito pela eternidade. O Jardim do Éden será restaurado. Não haverá dor ou mal. A tribulação é temporária, enquanto o paraíso é permanente. Sejamos fortes em nossa fé e resistamos até fim.

3 respostas para “Crises no livro do Apocalipse”

  1. Alexya Gomes disse:

    Como meu coração anseia por esse dia!

  2. Vânia Maciel disse:

    Bendito o que vem em nome do Senhor! Maranata!

  3. Vida Stephany disse:

    Que assim seja!
    O Cordeiro é Digno de receber o fruto pelo seu penoso trabalho.
    Maranata!!!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *